InicioSaúde

6 Dicas para Um Cabelo dos Sonhos

Quem nunca sonhou em ter o cabelo dos sonhos, não é mesmo? Aquele cabelo hidratado, macio e que arranca elogios por onde passa. No entanto, muitas vezes, o cuidado com os cabelos não é feito da forma mais saudável e adequada para os fios. A falta de instruções claras sobre a forma correta de lavar, hidratar e até mesmo escolher os produtos certos pode ser um desafio. Se você se identifica com essa situação, não se preocupe, confira 6 dicas para um cabelo dos sonhos.

Anúncios

Além disso, é comum ouvirmos pessoas falando coisas como “meu cabelo se acostumou com esse produto”, “as pontas duplas desapareceram” ou ainda “cortei as pontinhas para fortalecer”. Mas será que essas crenças realmente têm fundamentos? Pensando nisso, decidimos abordar alguns mitos e verdades sobre cuidados capilares, para que você possa tomar decisões mais informadas e seguras quando se trata do seu cabelo. Desvendaremos suposições comuns e forneceremos orientações práticas para você cuidar adequadamente dos seus fios.

Lembre-se de que cada cabelo é único e possui características específicas, portanto, é importante adaptar as dicas às suas necessidades individuais. Através do conhecimento correto e das práticas adequadas, você estará no caminho certo para alcançar o cabelo dos sonhos. Siga as dicas que preparamos para você, evite os mitos que podem confundir sua rotina de cuidados capilares e desfrute de um cabelo saudável, radiante e digno de elogios. Esteja pronta para se sentir confiante e deslumbrante com os resultados que você irá conquistar.

Dicas para cuidar do seu cabelo

1. Escolha os produtos ideais para o seu tipo de cabelo 

Essa etapa inicial é de extrema importância para iniciar seus cuidados capilares de forma adequada. Isso porque o fato de que os shampoos, condicionadores e máscaras de tratamento possuem formulações e ingredientes diversos, os quais podem apresentar benefícios diferentes para cada tipo de cabelo.

Anúncios

Por exemplo, os cabelos lisos geralmente tendem a ser mais oleosos na raiz, portanto, produtos que ofereçam uma limpeza profunda e hidratação equilibrada são mais recomendados para esse tipo de fio. Já os cabelos cacheados necessitam de produtos que proporcionem definição dos cachos, movimento e ação antifrizz, garantindo a beleza e a saúde dos fios. Por outro lado, os cabelos crespos se adaptam melhor a fórmulas mais suaves, que promovam nutrição intensa, fortalecimento e desembaraço dos fios, conferindo-lhes maior resistência e vitalidade.

É importante lembrar que cada tipo de cabelo possui suas particularidades e necessidades específicas, e encontrar os produtos adequados para cuidar dos seus fios é essencial. Ao escolher os produtos certos, você estará proporcionando o tratamento ideal para o seu cabelo, maximizando seus benefícios e evitando possíveis danos ou problemas capilares.

2. Realize a lavagem da maneira correta

Algumas dicas, como as de lavagem, são básicas e simples mas cruciais: 

  • Utilize apenas água fria ou morna: Temperaturas altas tendem a ressecar o cabelo, pois acabam por retirar a umidade natural do couro cabeludo. 
  • Não esfregue os fios: Esfregar a ponta dos dedos muito forte ou as unhas no couro cabeludo, pode irritar a pele e ocasionar descamações, gerando caspas. 
  • Não utilize shampoo nas pontas: Diferentemente do bulbo capilar, as pontas são naturalmente mais ressecadas, e ao utilizar o shampoo nelas, você pode acabar ressecando-as ainda mais. 
  • Não utilize condicionador na raiz: Sua fibra capilar pode acabar ficando com um aspecto mais pesado e em alguns casos até gerar queda. 

3. Realize cronograma capilar:    

O cronograma capilar nada mais é que uma rotina de cuidados onde são intercalados os principais tratamentos: hidratação, nutrição e reconstrução. A reposição de água, nutrientes e de massa, é essencial para todos os cabelos. Porém, cada fio pode ter necessidade maior de uma coisa do que de outra. Assim, é importante a identificação da exigência do seu fio. 

Anúncios

4. Utilize proteção térmica

Se você costuma fazer uso de fontes de calor para secar ou alisar, é indispensável o uso de um protetor térmico. O produto cria uma camada protetora na fibra capilar, que protege os fios de danos, realiza a selagem da cutícula, reduz os riscos de ponta duplas, além de garantir que não haja perda de água pelo cabelo.

Além da proteção térmica, muitos produtos também possuem fórmulas hidratantes e nutritivas, deixando o cabelo brilhante, sedoso e com o frizz reduzido. 

5. Faça uso diário de óleos capilares

Se você quer mesmo cuidar do seu cabelo, entenda: o uso de óleo capilar diariamente é obrigatório. O óleo conta com ativos que garantem hidratação, nutrição e reparação da estrutura do fio. Nossas glândulas sebáceas não produzem oleosidade suficiente para nutrir as pontas do nosso cabelo, e é aí que o uso do produto se torna tão importante.

6. Tenha cuidados especiais na hora de dormir

  • Não durma com o cabelo molhado: Ao dormir com o cabelo molhado, há um aumento de chances de quebra dos fios. Isso pois há um atrito maior do fio com o travesseiro.
  • Não prenda o cabelo com elástico para dormir: O uso do elástico pode gerar pressão na raiz do cabelo, além de poder ocasionar uma ruptura nos fios.
  • Escove o cabelo: Há menos riscos de seu cabelo acordar com muitos nós e danos. 
  • Utilize touca para dormir: A utilização de toucas como a touca de cetim ou a nero, podem auxiliar na proteção de atrito dos fios.

Mitos sobre o cabelo

Cabelo acostuma com o produto? Não! O que pode acontecer é o sua fibra capilar passar a ter outras necessidades. Por exemplo, o produto faz parte de um tratamento de hidratação, mas no momento o seu cabelo precisa de um tratamento para reposição de massa. Assim, o produto não atenderá o objetivo.

Cortando o cabelo cresce? O corte não influencia diretamente no crescimento do cabelo pois o responsável pela força, é o bulbo capilar que fica localizado na raiz, e não as pontas. O que acaba acontecendo é que, quando o cabelo é cortado, as pontas danificadas acabam sendo retiradas, o que dá um aspecto mais saudável. Assim, a parte interna do fio acaba tornando-se mais resistente, ocasionando um aumento de força indiretamente.

Tem como acabar com as pontas duplas? Sim, cortando! Pontas duplas não são reversíveis. Mas se essa não é sua vontade, você pode utilizar finalizadores, máscaras ou óleos capilares que reparem as pontas, ou seja, que selem o fio e melhorem o aspecto das pontas. 

Jéssica Eduarda

Com um olhar perspicaz para identificar as histórias mais relevantes e interessantes, Jéssica está sempre um passo à frente, oferecendo aos seus leitores uma visão clara e concisa dos acontecimentos atuais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *